Sony, NEC, TES, Solutione, Weslyn, TV One e Shure comentam sobre a 1ª Tecnomultimedia InfoComm Brasil Sony - NetSeg

Sony, NEC, TES, Solutione, Weslyn, TV One e Shure comentam sobre a 1ª Tecnomultimedia InfoComm Brasil Sony

Entretenimento | 03/06/2015

Aconteceu de 13 a 15 de maio, no Centro de Exposições Imigrantes em São Paulo, a Tecnomultimedia InfoComm Brasil, a qual nos EUA é a maior feira de audiovisual do mundo. O Portal do AudioVisual esteve lá e você confere a opinião de alguns expositores a seguir.

SONY

“Tínhamos uma expectativa muito grande com a realização de um evento específico para o setor de áudio, vídeo e projeção no País. Até porque não havia nada tão direcionado. Gostamos muito da primeira InfoComm Brasil, que apresentou uma movimentação de visistantes inesperada para uma primeira edição.”

“Evento focado, bem organizado e visitado por profissionais do setor. Praticamente não tivemos curiosos. Ficamos muito satisfeitos e provavelmente estaremos de volta na próxima edição. Quanto ao Portal do Audiovisual, muito bem vindo. Qualquer iniciativa no sentido de tornar o setor mais profissional deve ser valorizada”. Naomi Matsumoto, gerente de contas.

NEC

“O mercado brasileiro é o mais importante da América Latina e é por isso que a NEC mostrou grande interesse em participar da InfoComm Brasil. A empresa percebeu o potencial do mercado, além da situação estável do País que tem atraído investimentos de empresas de diversos setores. Nossa linha de produtos é voltada para uso corporativo e percebemos grande interesse por parte dos visitantes que aqui estiveram. Ficamos supresos com os resultados e definitivamente participaremos da póxima edição”.

“Estamos muito satisfeitos com as perspectivas que surgiram neste evento e com a criação do Portal do Audiovisual, mais uma ferramenta de divilgação e de conhecimento”. Horácio Alzate, gerente de produtos para a América Latina.

TES Tecnologia

“É a primeira InfoComm no Brasil e posso dizer que começamos muito bem. Percebemos a empolgação dos empresários presentes e estou certo que a segunda edição vai ser ainda maior e melhor. O investimento empregado nos estandes já mostra as expectativas do setor, que não polpou esforços para a apresentação de estandes bonitos e muito bem montados”.

“Esse evento e a criação do Portal do Audiovisual, nos mostra muito claramente que esse setor tem um potencial enorme de crescimento, principalmente com o advento da Copa do Mundo de Futebol, que acontecerá no Brasil e que certamente alavancará ainda mais os negócios voltados para o segmento de audiovisual. Esse mercado é infinito no Brasil e ainda tem muito a ser explorado, seja no nicho doméstico, de esportes e tantos outros”. Francisco Borba, diretor

Solutione

“Muito positiva a minha avaliação da estreia da InfoComm no Brasil, surpreendente em público e aceitação. Mesmo porque a feira foi realizada dentro de outro segmento que também atrai o público de TI. Isso pode fazer com que cresça ainda mais o mercado de audiovisual no País, que ainda não está maduro o suficiente”.

“Dessa forma, acredito que se dará mais importância ao setor que até então não tínhamos e a criação do Portal do Audiviosual será determinante nesta conquista”.

“Quanto à relação do evento e a profissionalização do setor, tenho certeza que é um caminho certo a ser trilhado, já que a InfoComm só traz empresas profissionais com soluções corporativas e que valorizam os próprios colabores de tecnologias dessas corporações. Essa feira abre um leque de possibilidades e cria uma sinergia em busca da melhoria do mercado como um todo”. Ricardo Durão, diretor-presidente

Weslyn

“A InfoComm Brasil se mostrou a melhor feira que participei nos últimos 12 anos. Excepcional, com excelente qualidade de visitantes e uma diversidade impresionante de empresas e tecnologias para um primeiro evento desse porte no País”.

“O nível dos expositores é um capítulo a parte, já que tivemos também multinacionais, de vários segmentos que se complementaram. O mercado de audiovisual tem algo em torno de 80% para ser explorado no Brasil. Digo isso porque antigamente apenas os mais ricos podiam comprar um home theater. Hoje vemos com muita satisfação que as famílias, mesmo com menor renda, estão investindo nesses equipamentos, assim como bares, restaurantes e afins. Esperamos esse crescimento e a vinda de muitas outras empresas do setor para o mercado brasileiro. Sabemos que o Portal do Audiovisual e outras midias especializadas poderão participar ativamente desse processo, divulgando e profissionalizando. Apostamos nesse argumento e já reservamos um estande maior para a próxima edição”. Álvaro Rogério de Moraes, gerente

TV One

“Estamos supresos com essa edição de estreia da InfoComm Brasil. Não achávamos que essa primeira edição seria tão boa TV Onecomo foi”.

“Fizemos uma aposta e foi surpreendente o resultado. A InfoComm tem o precedente de auxiliar na profissionalização do mercado e tenho certeza que no Brasil não será diferente, ainda mais com a criação do Portal do Audiovisual. Essa é uma questão urgente no País, já que temos uma grande deficiência de profissionais verdadeiramente capacitados. Uma feira específica para o setor de certo contribuirá para um mercado mais capacitado. Todos têm a ganhar”. Aleksander Gama, diretor-técnico

SHURE

“Para a Shure é uma grande felicidade participar de mais um evento de uma parceira de longo prazo. Estamos mais focados para o mercado latinoamericano e contar com um parceiro como a InfoComm que opera ativamente na parte educacional, de trade shows, de organização e profissionalização do setor é muito gratificante. São ações como essa e como a criação do portal do Audiovisual que fazem a diferença”.

“Estar associado a organizações que têm esse tipo de conduta é muito importante”.

“Fora as edições internacionais que já participamos, estar presente na edição brasileira, em um mercado que continua em expansão, é extremamente importante e nos sentimos muito felizes de fazer parte dessa história de muito sucesso a longo prazo”. Hélio Garbin, gerente para a América Latina